Waddesdon Manor

Esse post está mega atrasado, mas vale muito a pena eu comentar desse lugar tão lindo! Escolhemos um dia no mês de agotos para irmos a Waddesdon Manor. Pegamos um trem de Londres até Aylesbury e de lá pegamos um táxi para o local – demora uns 15 minutinhos.

DSC_0316 Continuar lendo

Anúncios

Salisbury, Stonehenge e Bath

Há um tempo atrás queríamos visitar algumas cidades na Inglaterra e pensamos em fazer um tour através de alguma empresa. Porém, como havíamos chego há pouco tempo em Londres, decidimos nos aventurar e alugar um carro. Foi realmente uma aventura, pois ficamos super nervosos com a direção do outro lado do carro. Meu marido dirigiu, mas também fiquei igualmente stressada, suando e tremendo. Tudo muito estranho e é preciso realmente prestar MUITA atenção em tudo o que está acontecendo, pois quando você dobra numa rua, ainda fica aquela confusão na cabeça de qual pista se deve ir.

DSC_0486

Continuar lendo

Cotswolds (Bourton-on-the-Water, Stratford-upon-Avon, Tewkesbury)

Agora em dezembro fomos novamente para Cotswolds (já fomos uma outra vez no inverno onde falo nesse post aqui, uma vez na primavera e outra no outono). As cidades ficam muito diferentes em cada estação, mas infelizmente dessa vez São Pedro não ajudou muito, já que o solzinho não quis aparecer.

20150215_144322_Richtone(HDR)

Continuar lendo

Cotswolds (Moreton-in-Marsh, Bourton-on-the-Hill, Woodstock e Blenheim Palace)

Ok. Não é novidade que eu AMO a região de Costwolds. Então para não ficar repetitivo, conto aqui apenas os novos vilarejos que passei em outubro com minha família. Não podia ter sido melhor! 🙂

Continuar lendo

Cotswolds (Northleach, Painswick, Stow on the Wold, Bibury, Bourton on the Water, The Slaughters)

Um casal querido de amigos nosso estava em Londres em abril e queriam ir para Bibury. Decidimos então alugar um carro para passarmos o final de semana em Cotswolds.

Saimos no sábado de manhã e aproveitamos para passar em alguns vilarejos novos e outros que já tínhamos conhecido antes. Voltamos para Londres no final do domingo. Listei aqui as cidades visitadas:

  • Northleach
    • Postcode GL54 3HL
    • Estacionamos na rua – gratuito, mas também tinham estacionamentos na rua onde era necessário pagar na máquina e colocar o papel no painel do carro.

Bem pequena, charmosa e calma. Assim como algumas outras cidades e vilarejos da região. Estava bem vazia nesse dia e conseguimos dar uma volta por lá.

DSC_0461 Continuar lendo

Um dia em York

Meu marido e eu aproveitamos uma promoção da empresa East Coast e compramos passagens de trem para um bate-e-volta à York. As passagens custaram £20/pessoa e conseguimos aproveitar bastante nosso dia na cidade. Pagamos um valor muito baixo se comparado ao preço da passagem normal. Geralmente utilizo o site The Train Line para comprar passagens de trem aqui no Reino Unido, pois ele já te mostra todas as empresas e opções de trens que fazem o percurso desejado. Pegamos o trem às 8h na estação de King’s Cross e chegamos à York em menos de 2h de viagem.

Para ter uma ideia de como é o centro da cidade de York, veja nesse mapa aqui.

York

 

Continuar lendo

Castelo de Leeds

Como vi na previsão do tempo que não choveria, aproveitei para visitar o Castelo de Leeds, que apesar do nome não fica na cidade de Leeds. O Castelo é localizado em Kent, no sul da Inglaterra e é possível fazer um bate-e-volta de Londres perfeitamente.

DSC_0304

Comprei o ingresso pelo site da própria empresa de trem que faz o trajeto e como no mesmo caso de Oxford que comentei no outro post, também tinha promoção Group Save. Ou seja, viajando em grupo de 03 ou 04 pessoas, o valor que se paga pelos tickets de ida e volta é de apenas 02 pessoas. Isso mesmo! Só é necessário que o grupo viaje junto.

Entrei no site da Southeastern e selecionei a data, origem, destino (estação mais próxima é a Bearsted), horário aproximado e quantidade de passageiros.

tela 1

Depois disso, selecionei o horário desejado das viagens. Não é necessário viajar exatamente nesse horário selecionado na página, pois você comprará um bilhete para horários fora de pico que te permitirá viajar em qualquer trem fora do horário de pico. Para verificar quais outros horários que você pode viajar, basta clicar na observação “other off peak trains you can travel on with this ticket” que abrirá uma janela com todas as outras opções de trens que você pode pegar. É ótimo, pois se quiser ficar um pouco mais na cidade ou voltar mais cedo, é só pegar qualquer um desses trens permitidos.

tela 2 tela 3

 

 

 

 

 

Nesse caso, era possível viajar com todos os trens entre Bearsted e Victoria Station, pois todos eles eram considerados fora do horário de pico. Depois de selecionada sua opção, abrirá nova página onde você escolhe seu tipo de ticket. Clique na opção escrita “return” (passagem de ida e volta) e onde tiver “G” que significa Group Save (caso viaje com 03 ou 04 pessoas no caso que citei acima).

tela 4

Selecione os horários novamente e abrirá nova página com todos os detalhes do bilhete e com opções extras caso queira comprar, como travelcards para poder andar de transporte público em Londres, etc.

tela 5

Na última tela aparecerá que você retirará os tickets na própria estação de trem e o valor (paguei £41.40 para 03 pessoas). Por isso é necessário levar o mesmo cartão de crédito utilizado na compra e o código que você receberá por email.

tela 6

Feito a compra você receberá um email com as informações do seu ticket. Lembrando que os horários que você marcou no momento da compra são apenas sugestões, pois você pode viajar em outros horários fora do horário de pico.

O número de referência/código que precisará colocar na máquina para retirar os tickets está assinalado.

Make a connection | Southeastern
Your booking confirmation
Dear Carolina,With guaranteed site security you can be assured that your payment has been securely processed. Your booking details are as follows – please take a moment to check the information is correct.Your confirmation number is: 5B4JRNWRJourney: 1 London Victoria to Bearsted @ £41.40
OFF-PEAK DAY R £41.40 (3 @ £13.80)
With 1 GS3 railcard(s)
All passengers must travel togetherYour Payment Card ****xxxx has been charged £41.40

Our terms and conditions and the National Conditions of Carriage apply to this booking and are available at www.nationalrail.co.uk

Journey: 1 London Victoria to Bearsted
Ticket type: Off Peak Day Return Valid on off-peak services by the route and Train Operator shown. Return journey must be made the same day.
Route: NOT VALID ON HS1
Outward journey: 1 Mar 2014
Suggested service departs London Victoria at 09:37 travel by Train service provider Southeastern to station Bearsted arrives 10:45
Return journey: 1 Mar 2014
Suggested service departs Bearsted at 16:48 travel by Train service provider Southeastern to station London Victoria arrives 17:51

Please note: this fare contains a Group Save discount and is only valid if all passengers travel together.

Ticket Collection This is not a valid ticket for travel.

You have chosen to collect your tickets from London Victoria. Your Ticket on Departure Reference is 5B4JRNWR
You will need to take the Ticket on Departure Reference and the payment card you used for the booking to collect your ticket

To collect your tickets, you must have both the credit/debit card used to purchase the tickets and your ticket booking reference. Tickets cannot be issued without both of these items.

Southeastern

Caso você viaje em apenas 02 pessoas, realmente o valor do trem fica meio carinho. Não se esqueça de sempre dar uma olhada no site ou app do The Train Line e também no site da própria empresa do percurso para ver se existem promoções.

Bom.. voltando a viagem, pegamos o trem em Victoria Station até Bearsted. Em aproximadamente 01h chegamos lá e ao lado de fora da entrada principal da estação tem um mini escritório da agência Spot Travel. Eles possuem um mini ônibus que faz o percurso estação – castelo em aproximadamente 07 minutos.

DSC_0313

 

DSC_0314

Na primavera e no verão eles possuem serviços regulares a um preço de £5/pessoa. Já no outono e inverno eles possuem serviços restritos onde fazem o percurso conforme a demanda. Chegamos lá junto com uma família de 06 pessoas e por isso logo saímos. No outono e inverno os preços são cobrados por grupos e os valores são de ida e volta: 01-04 pessoas £20; 05-07 pessoas £30; 08-09 pessoas £40. A capacidade do mini ônibus que pegamos era de 16 pessoas. Como fomos em pleno inverno, combinamos com o motorista a hora de retorno e ele foi nos buscar. Obs: Preços resferentes a Março/2014.

Chegando a bilheteria, pagamos o valor de £21/pessoa e o bilhete é válido para retornar ao castelo por 01 ano (como ocorre em outros castelos como o de Windsor, por exemplo).

DSC_0080

Há um serviço de trenzinho que custa £1 que leva da bilheteria para o castelo. Na minha opinião não compensa, pois a caminhada é muito agradável e o percurso é lindo!

DSC_0306

DSC_0170

DSC_0299

O castelo apesar de bem moderno, teve sua construção em 1119 por Robert de Crevecoeur. Em 1278 o castelo passou para as mãos da Família Real onde permaneceu até 1552. Depois disso ele se tornou propriedade privada. A última proprietária foi a Lady Baillie que comprou o castelo em 1926 e contratou arquitetos franceses para reformá-lo. Após seu falecimento em 1974, Lady Baillie deixou o castelo para a Fundação Leeds Castle, fundo de caridade privada, cujo objetivo é preservar o castelo e o terreno para benefício do público. De acordo com seus desejos, o castelo ainda é mantido e regularmente é utilizado para acomodar convidados de casamentos, conferências e banquetes. A visita é apenas por alguns cômodos e é bem rápida.

DSC_0132 DSC_0141

 

 

 

 

 

DSC_0161 DSC_0149

 

 

 

 

 

DSC_0155

Mas a área de fora do castelo é belíssima e ampla. Pretendo realmente voltar no verão para aproveitar mais a área externa. Possui playground, apresentações de pássaros, gramado onde se pode fazer picnic, restaurante, cafés, lanchonete e um labirinto bem grande que adoramos! A média para sair do labirinto é de 20 minutos e conseguimos chegar à gruta na saída em 13 minutos =)

DSC_0209

 

DSC_0224 DSC_0082

 

 

 

 

 

DSC_0099

Chegamos às 11h ao castelo e pegamos o shuttle para a estação às 14h30. Foi tempo suficiente para visitarmos o castelo, passarmos no labirinto, almoçarmos no restaurante e ainda assistirmos uma apresenção de alguns pássaros por 30 minutos. Claro que só deu tempo, pois era inverno e não conseguimos aproveitar muito as áreas externas.

Achei um passeio diferente e muito legal para se fazer um bate-e-volta.

DSC_0180

Oxford

Como vi na previsão do tempo um dia antes que sábado não choveria, resolvi comprar ticket para fazer um bate-e-volta para Oxford.

Sempre utilizo o site The train line para checar as passagens de trem, porém também é bom sempre comparar com os valores nos sites da própria empresa de trem que faz o trecho. No site do The Train Line, 03 passagens ida e volta custariam mais de £ 70. Decidi então comprar no site da empresa First Great Western e as 03 passagens sairam por £ 48!!! Isso porque existe o Group Save que permite 03 ou 04 pessoas pagarem apenas preço para 02 pessoas, porém o grupo tem que viajar o tempo todo junto e fora do horário de pico. Sendo assim, quando você consultar no site ou comprar na bilheteria, indique que comprará 3 ou mais passagens que terá o desconto.

Pelo site é muito fácil. Na página inicial coloque a estação de origem, destino, horários aproximados que deseja viajar e quantidade de pessoas como mostro na simulação abaixo:

First

Depois disso, selecione na parte superior o tipo de bilhete que deseja comprar. Nesse meu caso optei por passagem de ida e volta (return que está escrito abaixo do preço) e pelo Group Save (só visualizar a letra G na opção, no canto superior direito do preço). Ao lado esquerdo do site, você pode conferir que é o preço para 03 pessoas e no meio do site você verifica quais horários você poderá pegar o trem tanto de ida como o de volta com esse ticket. Clique no “buy now”, depois selecione a opção “Collect your ticket from the station” e preencha seus dados e os dados do cartão para efetuar o pagamento.

First2

Você receberá um email com a mensagem abaixo onde constam seu número de referência e todas as informações das passagens. Observe que no email também está escrito que o grupo tem que viajar junto e também a sugestão de horários dos trens que eu marquei na hora de comprar. Não é necessário viajar nesses horários que foram marcados no momento da compra. Você pode viajar em qualquer trem fora do horário de pico. Caso tenha dúvida, volte ao site que ele te mostrará as opções.

First 3

Chegando à estação, procure uma máquina e clique para retirar tickets. Coloque o cartão que foi utilizado na compra pelo site (não esqueça de levá-lo!!) e clique para imprimir. Sairão 02 tickets por pessoa (ida e volta para cada um) + 01 recibo.

Há também a possibilidade de ir à Oxford de ônibus, trajeto que demora entre 01h a 01h30 dependendo do seu ponto de partida. Os ônibus possuem saídas frequentes que podem ser consultadas nos sites das empresas National Express e Oxford Tube, por exemplo.

Optamos por sair de Paddington e chegamos em Oxford em aproximadamente 01h. Fique atento, pois os lugares da segunda classe não são marcados, então chegue antes para pegar lugar junto.

Chegando à cidade passamos pelo Oxford Castle, onde se tem uma vista parcial da cidade e alguns restaurantes e depois seguimos para a loja da Alice no País das Maravilhas. O seu escritor Charles Dodgson (Lewis Carroll) era professor de matemática na Christ Church e ele escreveu a história para Alice Liddell, filha do reitor da faculdade. Vários lugares da aventura são baseados em partes da famosa faculdade.

DSC_(1013) DSC_(1019)

DSC_(1032)

Aliás, Oxford não é uma universidade como a maioria imagina. É na realidade um campus com quase 40 instituições de ensino, onde a Christ Church é a maior delas com aproximadamente 430 alunos de graduação e 215 de cursos pós graduação. É um local grande onde os alunos estudam, vivem e comem. Visitantes podem visitar algumas partes da universidade, porém a visita é paga e custa £ 7.

O lugar é lindo e ficou ainda mais famoso depois do filme Harry Potter. Quando você visitar The Hall, por exemplo, vai notar que o local foi a inspiração da sala de refeições de Hogwarts. No sábado que fomos, ela estava fechada até às 14h30, pois os alunos almoçariam ali até aquele horário. Por isso, visitamos as outras partes no período da manhã, mas voltamos a tarde para visitar o famoso The Hall.

DSC_(1037) DSC_(1044)

DSC_(1058)

DSC_(1098) DSC_(1101)

DSC_(1105)

DSC_(1256)

Saindo do Christ Church College, andamos pelas ruas próximas admirando todas as construções e imaginando como seria estudar em uma das faculdades na cidade. Passamos pelo Hertford College onde fica a famosa ponte que liga as duas partes da universidade e é famosa por lembrar a Bridge of Sighs em Veneza.

DSC_(1110) DSC_(1141)

DSC_(1135)

Andamos mais um pouco e chegamos à Bodleian Library, uma das bibliotecas mais antigas da Europa e uma das maiores no Reino Unido.

DSC_(1147) DSC_(1151)

Próximo dali fica a Radcliffe Square onde se encontra a famosa Radcliffe Camera, uma sala de leitura belíssima, não aberta para visitantes.

DSC_(1154)

DSC_(1171)

Andamos um pouco pela Hight Street, rua com diversas lojas, cafés, restaurantes e encontramos The Covered Market com várias barraquinhas de doces, frutas, cafés, souvenirs, açougue, etc.

DSC_(1192)

Saímos de lá e fomos almoçar no All Bar One, rede grande de pubs na Inglaterra. Pedimos um hamburger divino que comprova que realmente ingleses sabem fazer deliciosos lanches!!

Às 14h30 em ponto estávamos na porta da Christ Church para visitar o tão famoso The Hall. Realmente é um lugar maravilhoso e achei muito surreal (minha opinião) ter as refeições lá. É como se você fizesse parte de Hogwarts =)

É nessa mesma sala que você poderá observar um detalhe da história de Alice no País das Maravilhas no quinto vidro do lado esquerdo.

DSC_(1203) DSC_(1254)

DSC_(1247)

DSC_(1226) DSC_(1229)

Alice

Saindo de lá passamos no calçadão Cornmarket Street com várias lojas, artistas de rua, cafés e lanchonetes. Fomos andando pela cidade até a estação de trem para já voltarmos para Londres. Um passeio super agradável, em conta e viável para fazer em um dia.

DSC_(1260)

Dia 3 – Cotswolds (Snowshill, Broadway, Chipping Campdem, Stratford-upon-Avon)

No último e terceiro dia em Cotswolds visitamos cidades bonitas e diferentes das outras que já tínhamos visitado. Como estava amanhecendo um dia bonito com sol, resolvemos andar na cidade onde nos hospedamos (Bourton on the Water) e só depois pegar a estrada rumo as nossas últimas cidades nessa viagem antes do retorno à Londres.

  • Snowshill
    • Postcode WR12 7JR
    • Estacionamos na rua – gratuito

Cotswold (1651)

Cidade bem pequena com casas maiores e lindas e uma igreja no centro. Não avistamos comércio, apenas um hotel pequeno. Entre meados de junho e agosto há campos de lavanda nessa cidade, o que é um enorme atrativo para lá.

Cotswold (1635) Cotswold (1638)

Cotswold (1634)

  • Broadway
    • Postcode WR12 7AH
    • Estacionamento pago – custo £ 0.50/meia hora (vá até a maquininha, coloque as moedas referente ao tempo de permanência, aperte o botão, retire o ticket com o horário limite discriminado no papel, coloque no painel do carro)

Cotswold (1677)

Cidade de tamanho médio com casas bem bonitas e um pouco mais modernas. Rua principal larga com várias lojinhas, cafés, restaurantes, museus e parque. Apesar do seu tamanho, gostamos muito dela, pois não perdeu o charme.

Cotswold (1671) Cotswold (1654)

Cotswold (1678) Cotswold (1656)

Cotswold (1663)

  • Broadway Tower
    • Postcode WR12 7LB
    • Estacionamento gratuito

Cotswold (1696)

Ao avistarmos a famosa torre, confesso que ficamos um pouco decepcionados e por isso resolvemos apenas tirar umas fotos do lado de fora do complexo e fomos embora. Caso você queira entrar há um custo de £ 4.80/pessoa para ir à Torre. Há uma estrutura com café e lojinha no local.

  • Chipping Campdem
    • Postcode GL55 6AG
    • Estacionamos na rua – gratuito (porém, caso não tenha vaga, há uns locais específicos com vagas demarcadas na rua e que são pagos)

Cotswold (1717)

Cidade média com vários hotéis pequenos, restaurantes, cafés, lojas, igreja, etc. É famosa por seus arcos no meio da cidade. Andamos pelas ruas olhando as vitrines das lojinhas e galerias de arte.

Cotswold (1724) Cotswold (1712)

Cotswold (1711) Cotswold (1701)

Cotswold (1704)

  • Stratford-upon-Avon
    • Postcode CV37 6NL
    • Estacionamento coberto pago – custo £ 2.00/duas horas

Cotswold (1775)

Cidade grande com parque, museus, diversas lojas grandes, restaurantes, lanchonetes, cafés, supermercados, teatros e a casa de Shakespeare. É famosa por ser sua cidade de nascimento. Apesar de ser bem grande, ela é bem bonita e agitada. O dia estava bonito e contribuiu para caminharmos na beira do rio olhando as aves e andarmos pelas diversas ruas agitadas com promoções.

Cotswold (1786)

Cotswold (1784)

Cotswold (1778) Cotswold (1746)

Cotswold (1766) Cotswold (1762)

Cotswold (1729)

Cotswold (1772)

E assim terminou nossa viagem a Cotswolds e com certeza queremos voltar e conhecer mais cidades por lá. Recomendo fortemente essa viagem!

Dia 2 – Cotswolds (The Slaughters, Burford, Bibury, Cirencester, Stow on the Wold)

No segundo dia da nossa viagem a Cotswolds saímos do hotel às 09h e fomos visitar mais cidades:

  • Lower Slaughter
    • Postcode GL54 2HR
    • Estacionamos na rua – gratuito

Cotswold (1297)

Uma das minhas cidadezinhas preferidas. Tem basicamente dois hotéis, uma igreja e residências, é bem pequena, mas tem um riozinho que passa por ela e a deixa super charmosa. Suas casas e tranquilidade do local deixam você com vontade de ficar por lá lendo um livro ou admirando aquele cenário.

Cotswold (1331)

Cotswold (1329)

Cotswold (1286)

Cotswold (1318) Cotswold (1311)

Cotswold (1321)

  • Upper Slaughter
    • Postcode GL54 2JE
    • Estacionamos na rua em alguns locais próprios – gratuito

Cotswold (1355)

Cidade pequena ao lado da Lower Slaughter e também possui um riozinho que passa por ela. Casas grandes de tijolinhos parecendo que estamos vivendo em épocas passadas. Muito lindo!

Cotswold (1365)

Cotswold (1348)

Cotswold (1341)

Cotswold (1358)

  • Burford
    • OX18 4SE
    • Estacionamento gratuito

Cotswold (1388)

Cidade maior que as anteriores com várias lojinhas, restaurantes, casas e avenida principal larga, mas não chega a ser uma cidade grande. Também possui um rio passando por ela e as construções das casas já são mais modernas que das outras cidadezinhas. Muito bom para passar a tarde num café ou pub ou então tomar café da manhã num dos lugares pequenos e bonitinhos.

Cotswold (1370)

Cotswold (1379) Cotswold (1386)

Cotswold (1396) Cotswold (1390)

Cotswold (1373)

  • Bibury
    • Postcode GL7 5NH
    • Estacionamos na rua – gratuito

Cotswold (1430)

Visitamos a famosa ruazinha Arlington Row com suas casinhas como as de antigamente ao lado de um riozinho. Também passamos pelo Bibury Trout Farm que deve ser ainda mais agradável na primavera e no verão. Andamos pelas ruas admirando as casas grandes e o hotel perto do rio.

Cotswold (1420)

Cotswold (1412) Cotswold (1407)

Cotswold (1470)

  • Cirencester
    • Postcode GL7 2DA
    • Estacionamento pago – custo £ 1.30/h (vá até a maquininha, coloque as moedas referente ao tempo de permanência, aperte o botão, retire o ticket com o horário limite discriminado no papel e coloque no painel do carro)

Cotswold (1506)

Cidade grande com muito comércio, parques, igrejas, museus, etc. Claro que mesmo sendo grande tem seu charme que você repara ao andar em suas ruas, ao entrar nas lojas e ao descobrir becos com lojinhas, cafés e restaurantes.

Cotswold (1501)

Cotswold (1481) Cotswold (1482)

Cotswold (1489) Cotswold (1480)

Cotswold (1485)

  • Stow on the Wold
    • Postcode GL54 1AB
    • Havia vagas na rua, porém estava tudo lotado e paramos num estacionamento pago – custo £ 0.50/meia hora

Cotswold (1528)

Essa cidade tem um tamanho médio, mas achei super hiper charmosa. Tem várias lojinhas, farmácia, mercadinhos, cafés e restaurantes e suas ruas estavam todas iluminadas com decorações de Natal. Achei uma cidade ótima para passar no final do dia para jantar num dos restaurantes super pequenos e acolhedores de lá.

Cotswold (1526) Cotswold (1522)

Cotswold (1518) Cotswold (1539)

Cotswold (1512) Cotswold (1532)

Cotswold (1515)