Diferenças em Londres

Logo que cheguei comecei a listar algumas diferenças que me chamaram a atenção aqui em Londres. Achei que fosse legal compartilhar com todo mundo, pois pode ser interessante para quem ainda conhece aqui.

20131222_154606_Richtone(HDR)

– Muitas vezes estou no metrô e escuto umas sete línguas diferentes, mas ninguém falando inglês.

– As pessoas pedem desculpa para tudo, mesmo quando a culpa foi sua e você que esbarrou nela.

– As pessoas falam obrigado e por favor para tudo.

– Como diz a mãe do meu amigo, aqui a chuva é na horizontal… chove e venta. Não adianta abrir o guarda chuva que ele vai quebrar.

20131114_154809

– No metrô todo mundo espera as pessoas saírem do vagão primeiro, para só depois elas entrarem, mas em compensação não são todos que levantam para um idoso sentar (mas temos que avaliar que aqui também tem muita gente do mundo todo).

– As grávidas usam um bottom escrito “baby on board”, assim fica claro que a pessoa está grávida e você pode ceder seu assento sem qualquer dúvida ou receio de alguma mulher não tão em forma se sentir ofendida.

baby-on-board

– Na maioria dos pubs o garçom não vem à sua mesa. Você vai até o balcão, faz o pedido, paga, pega sua bebida e senta na sua mesa (se tiver uma). Pode até deixar o cartão lá no caixa também, ir pedindo e só colocar sua senha no final. Não espere que o garçom traga seu chopp mesmo sem você pedir.

– Aqui a cerveja não tem colarinho nem é muito gelada.

– As pessoas não andam no metrô, elas correm praticamente. Aqui você sempre tem que ficar do lado direito, já que do lado esquerdo passam as pessoas que estão com mais pressa. Porém, elas andam BEM depressa. Portanto, mesmo que você esteja andando, mas em passos normais, fique na direita que com certeza muita gente te ultrapassará.

– Jornais são distribuídos quase todos os dias e horas. Tem jornais durante a semana na parte da manhã e na parte da tarde. Todo mundo pega e lê no metrô. É fácil observar uma pessoa dando uma esticada para ler a matéria no jornal do passageiro ao lado. E também é normal as pessoas deixarem o jornal no vagão/assento e o próximo coloca de lado ou aproveita para dar uma lidinha.

– Isso de deixar o jornal também pode ser preguiça de jogar fora, afinal não é muito comum encontrar lixeiras no metrô. Quando você encontra, pode observar que os sacos são transparentes para se ver o que tem dentro do lixo (por causa de atentado, bombas, etc).

– Aqui não é normal sair com sua equipe toda para almoçar no por quilo. As pessoas geralmente comem sozinhas ou em suas mesas de trabalho. É muito comum você ver gente comendo sozinha em qualquer gramado, banco ou praça quando está sol.

IMG_20140430_131703

– Como as pessoas comem muito em suas mesas de trabalho, é comum você escutar da pessoa no caixa onde se compra a comida se você vai levar ou comer no estabelecimento. Isso porque há diferença de preço geralmente em comidas frias para se comer dentro da loja (é mais caro) ou para levar.

– Ser vegan, intolerante a lactose ou não poder comer glúten não é um problema tão grande, já que MUITOS restaurantes e cafés têm pratos especiais para pessoas com restrições. Também se pode encontrar facilmente produtos em supermercados como leite (e não é de soja!) ou queijo sem lactose, portanto, vida normal.

119a_0612

– Aqui se come muita comida apimentada e comida asiática (chinesa, japonesa, vietnamita, coreana, tailandesa, etc).

– O Natal é comemorado com almoço no dia 25 (e não com ceia no dia 24) e esse é o único dia do ano que não funciona nenhum transporte público!

– O presente de amigo secreto na empresa geralmente não é para ser sério como um perfume, camisa ou livro. Geralmente o pessoal dá um presente engraçadinho ou envolvendo alguma brincadeira, mas que tem a ver com a pessoa sorteada (não é um amigo da onça que pega pesado… é algo mais light).

– Não importa o presente ou a data especial, você sempre tem que dar com um cartão.

1352_front

– É comum também as pessoas darem presentes para pessoas que estão mudando de empresa. Tem até seção de cartões específicos para isso.

– No Natal é comum ter vários mercados de natal espalhados pela cidade.

20131123_134812 20131123_122824_Richtone(HDR)

– Dia 26 de dezembro é feriado e tem muita promoção nas lojas (boxing day).

– Aliás, tem pouco feriado por aqui (são 08 por ano, contando Natal e Ano Novo), mas todos eles caem segundas ou sextas (ou seja, sem ponte de feriado). Caso o feriado caia no final de semana, ele é postergado para segunda.

– Você vê muito turista indo com mala de viagem fazer compras nas lojas. Eles compram bastante coisas e colocam tudo na mala… bem mais prático para carregar o dia todo.

– Aqui é muito comum sair para ir ao pub depois do trabalho (e não comer nada, só beber mesmo… e beber muito!).

 

– De vez em quando você pode avistar na rua uma “bicicleta” um pouco diferente. Algumas pessoas alugam, saem pedalando pela cidade e bebendo cerveja ao mesmo tempo.

20140405_140245

– Também é comum ficar de pé do lado de fora do pub (se não for inverno), mesmo se você não está fumando.

20140515_184821

– Aqui cigarro é muito caro, então as pessoas compram o tabaco e o papel e fazem seus próprios cigarros, pois é bem mais barato.

– É muito comum todo mundo correr para pegar o metrô e quase ser esmagado pela porta, mesmo sabendo que tem um outro trem chegando daqui 2 minutos.

– É normal ver alguém carregando a mala nas escadas no metrô e ninguém ajudar.

– Normal no metrô é a pessoa levantar para sair na sua estação apenas quando o metrô de fato pára na plataforma.

– Nem todos os restaurantes incluem o serviço na conta, portanto você tem que prestar atenção. Alguns incluem, mas em outros você dá a gorjeta a parte. Ou então têm outros que quando você passa o cartão de crédito, a maquininha te pergunta se você quer dar e quanto quer dar de gorjeta (cuidado para não colocar a senha e dar uma gorjeta bem gorda, principalmente se sua senha começar com 9).

– Todos os restaurantes têm água torneiral de graça. Aliás é normal tomar água da torneira aqui. Mas quem não gosta tanto, tem umas garrafinhas ou jarra com filtro.

Elemaris_Cool_schwarz_300dpi

– Também é normal ver muita “marca branca” no copo ou na pia que é o famoso “limescale” (minerais da água).

– Toda casa tem kettle, que é uma chaleira elétrica.

download

– Geralmente os ingleses não fazem muitas reclamações em estabelecimentos, como por exemplo, em restaurantes. Eles são muito educados e cuidadosos com isso. Se acharem um inseto na sopa, por exemplo, falarão “eu acho que pode ter um inseto na minha sopa”, o que para mim está bem longe de se parecer uma reclamação.

get-around-in-english-how-to-be-polite

– Ninguém te olhará estranho se você tomar sol no parque de biquini ou fizer um mega picnic (mesmo levando comida mesmo, o que seria “farofada” para nós) num dia de sol.

IMG_20140316_145027

– Aqui é normal dividir casa, pois a moradia é cara. Então você pode alugar um quarto numa casa com pessoas que você não conhece.

– Também é normal o lado de fora parecer uma casa vitoriana, mas na verdade ser composta de vários apartamentos.

– É normal escutar como resposta de “está tudo bem?” um “not bad”. Isso não significa que a pessoa quer contar a vida e os problemas para você.

– Não tente lavar o banheiro do apartamento aqui com água, pois não tem ralo (além do chuveiro, porém muitas vezes o chuveiro é dentro da banheira).

– No começo do outuno você terá a visita por algumas semanas do “daddy long legs”, um inseto que parece um pernilongo gigante, mas não faz nada.

20130922_102949_Daddy long legs

– Todos que têm tv precisam pagar uma taxa anual de licença. Assim, você pode assistir os canais abertos.

– Mesmo que você tenha um plano de saúde particular, você precisa ir ao médico (público) do seu bairro para ver se ele acha que você tem que procurar um médico especialista. Caso ele ache, ele te dará uma “carta” e aí sim você procura um outro médico particular.

– Não existe RG ou CPF, portanto se você não dirige, você não tem nenhum documento sem ser seu passaporte (e crachá da empresa).

– Alguns prédios têm concierge. É como se fosse um porteiro que recebe correspondências, te ajuda com informações, mas não interfona e nem abre a porta quando sua visita chega.

– Como o concierge não abre a porta do prédio, utilizamos o famoso “fob” que você encosta num sensor para abrir a porta.

key-fob3

– Não ache que aqui é diferente de SP na questão atravessar a rua. Não é só colocar o pé na rua que os carros param não. Por isso, tome cuidado, senão passam por cima.

– Uma curiosidade… a parte externa do teto dos famosos ônibus vermelhos é branca.

– E por último… para quem acha as moedas daqui confusas, eu achei uma lógica para entendê-las. Elas são separadas em pares, sendo uma moeda maior e outra menor e por cores. Exemplo: £0.01 bronze menor/ £0.02 bronze maior, £0.05 prata menor/ £0.10 prata maior…..

20130527_000522

 

Obs: Com certeza observarei mais diferenças no dia-a-dia, portanto atualizarei esse post de tempos em tempos.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s